O que aprendi sobre a transformação digital do setor público e a confiança.

Elena Casas

Elena Casas

Digital Transformation Lead, Public Sector, Western Europe

Tempo de leitura, 5 min.

“Oh, deve ter sido difícil.”

… é o que as pessoas por vezes dizem quando eu lhes falo sobre o meu papel na transformação digital do setor público. De facto, depois partilham comigo a impressão de que os serviços públicos são demasiado grandes e lentos.

Em alguns aspetos, têm razão. O setor público tem o dever solene de ajudar os cidadãos a terem vidas mais saudáveis, intelectualmente mais ricas, mais equitativas e inclusivas. E o facto é que essa missão por vezes pode exigir processos consultivos e mudanças bastante graduais.

Escusado será dizer que, este ano, os serviços públicos se tornaram ainda mais vitais para as comunidades. No entanto, ocorreu outra grande mudança: a transformação digital foi acelerada.

Este ano, de repente, os projetos de serviços público que podiam ter demorado dois anos tiveram de ser concluídos em dois meses.

É necessária confiança para avançar mais depressa.

Estou certa de que conseguem imaginar que esta aceleração tem sido estimulante e desafiante para todos nós na Microsoft. Mas este novo ritmo de mudança só pode acontecer numa atmosfera de confiança implícita.

A “Confiança”, uma palavra que utilizamos regularmente, é muito difícil de definir. Na vida quotidiana, é uma sensação de confiança nas intenções dos outros baseadas em princípios. No entanto, quando falo com os nossos clientes do setor público, a confiança também significa ir além do meramente transacional. Significa ter confiança na nossa plataforma, na nossa segurança, privacidade e conformidade. E confiança de saber que ambas as partes estão empenhadas numa relação a longo prazo, com objetivos partilhados, filosofia partilhada e uma visão partilhada do futuro.

Sem essa confiança, seria extremamente difícil inovar e mudar, pelo que teria sido impossível acompanhar o aumento da velocidade de transformação digital verificado este ano.

Um ano transformador para os serviços públicos.

Estou extremamente orgulhosa do que conseguimos alcançar este ano com os nossos clientes. O setor da saúde representa uma grande parte das minhas atribuições e desenvolvemos neste setor um trabalho fantástico. Mas, a par disso, também colaborámos com organizações que abrangem quase todos os níveis da administração pública. Isto inclui as instituições profundamente enraizadas na história e na tradição, como as assembleias eleitas e os tribunais.

Alguns parlamentos nunca tinham contemplado seriamente a possibilidade de entrarem no mundo virtual. Em parte, devido às preocupações com a segurança. No entanto, com inovações como o Election Guard e a iniciativa para proteger as eleições presidenciais dos E.U.A. deste ano contra interferências cibernéticas estrangeiras, a Microsoft mostrou que a sua tecnologia segura pode ser confiada com responsabilidades tão importantes como a salvaguarda do processo democrático. E penso que isto explica por que motivo os órgãos legislativos e judiciais confiaram em nós para implementar sessões online e o voto eletrónico.

​Outro exemplo é o County Council de Mayo na Irlanda. Primeiro, com o confinamento tiveram de transferir todos os colaboradores para o Teams. Além disso, conseguiram ser criativos com a plataforma. Prepararam uma linha de ajuda que permite aos eleitores ligarem-se diretamente aos funcionários do concelho através do Teams. Por sua vez, os funcionários podem utilizá-lo para ligar os cidadãos aos serviços essenciais, tais como receitas médicas, refeições quentes e mercearias, bem como outros serviços do concelho e organizações voluntárias. Isto tem-se provado fundamental para os idosos e outras pessoas de alto risco perante a Covid-19.

Esta confiança foi estabelecida com o County Council de Mayo através de uma parceria de longa data. Já utilizam há algum tempo a plataforma baseada na cloud e os sistemas de segurança do Microsoft 365. Já confiavam nestas tecnologias para lidar com as suas necessidades de segurança e conformidade, o que nos permitiu trabalhar em conjunto em tempo recorde na implementação da solução integral em poucas semanas.

Desta forma, constatámos que, depois de estabelecida a confiança entre os organismos públicos e a Microsoft, não há limite à criatividade. Aparecem novas possibilidades de inovação e surgem novas oportunidades.

Um futuro melhor, assente na confiança.

À medida que a nossa tecnologia avança, é necessário aprofundar as nossas relações com os clientes. Eles não têm de compreender totalmente as complexidades de tecnologias como a telemetria de dados ou a arquitetura de cloud, nem a forma como utilizamos a IA e a aprendizagem automática para oferecer segurança inteligente. Por isso lhes prestamos serviços. Por isso as parcerias de confiança são tão importantes hoje em dia.

Os organismos públicos podem estar seguros de que, quando se associam à Microsoft, não estamos simplesmente a vender-lhes uma solução, estamos empenhados numa relação a longo prazo. E todo o nosso trabalho de investigação, desenvolvimento e cibersegurança também está a beneficiá-los.

A confiança significa que os decisores do setor público podem sentir-se mais seguros e confiantes. Como constatámos ao longo deste ano, os nossos conhecimentos, inovação, segurança e funcionalidades de conformidade de nível mundial permitem às organizações públicas progredir mais depressa. Podem inovar para criar os serviços públicos inteligentes, centrados nos cidadãos e orientados por dados do futuro.

Ebook gratuito: Microsoft 365 e governo

Saiba mais sobre a transformação digital do setor público com uma abordagem holística de segurança e conformidade.

Autoridade Pública

Comércio & Retalho

Cuidados de Saúde

Educação & Formação

  • uma mulher a utilizar um portátil

    Melhore a aprendizagem remota para todos. Saiba como.

    Desde o surto inicial da COVID-19 na China, os nossos clientes do setor do ensino nesse país fizeram coisas fantásticas para manterem os alunos empenhados na transição para a aprendizagem remota. Desde inovações no eLearning a manter elevada a moral dos alunos com desafios de fotografia e cozinha, professores e alunos deram mostras de uma […]

  • Um guia para o RGPD para as escolas

    Um guia para o RGPD para as escolas

    Guia do RGPD para as escolas Com a entrada em vigor, a 25 de maio, do novo Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) da UE, fique a saber como escolas como a sua podem dar os passos certos no sentido da conformidade, através deste eBook gratuito e de outros recursos úteis. O caminho a […]

Indústria